Pesquisador Jurídico

TJSC. nullFaccionados recebem penas de mais de 350 anos de prisão por massacre em presídio 17/11/2021

Dez membros de uma facção criminosa responsáveis pelo assassinato de um detento no interior do Presídio Regional de Joinville, onde todos cumpriam pena, foram condenados nesta terça-feira (16/11) a penas que, somadas, ultrapassaram a 350 anos de reclusão. A menor reprimenda alcançou 31 anos e oito meses de reclusão; a maior chegou a 42 anos de prisão.

O crime ocorreu no dia 8 de janeiro de 2020, quando a vítima foi atacada durante seu banho de sol e recebeu 200 facadas. O grupo se valeu de cinco armas artesanais, confeccionadas no interior da unidade prisional, para cometer o homicídio, motivado pelo suposto repasse de informações da facção para grupo rival.

O Ministério Público solicitou a condenação de todos por homicídio, agravado por motivo torpe, meio cruel e que dificultou a defesa da vítima. Durante a explanação, foram mostradas imagens do local do crime e vídeos com os depoimentos dos acusados. Após a análise dos sete jurados, a sentença foi prolatada pela juíza que presidiu os trabalhos.

Fonte: TJSC

 

      Portal da Justiça
PESQUISADOR JURÍDICO

Rua José Gabriel 200
CEP: 13.250-080

© Copyright 2000-2020